Ateísmo é conforto

A história teve início quando um jovem, chamado Mateus, trocou de escola e foi estudar em outra cidade. Nessa época a cabeça dele mudou muito perante a imagem de Deus e do ateismo.

Ele sentia que nao havia necessidade de existir um ser superior ou alguma outra forma de ser evoluído. Naquele ano, o mesmo se intitulava como um ateu, mas era bem tímido, porque não se manifestava com medo de pensamentos alheios, ele apenas curtia e comentava algumas publicações nas redes sociais referente ao tema.

No dia 10 de setembro de 2017, aconteceu algo muito especial com Mateus, ele estava com seus amigos em frente à sua antiga escola, nesse momento um de seus amigos, chamado João, estava falando desse assunto e que também não tinha nenhum tipo de fé ou crença, foi algo muito libertador para ele que se via sozinho nessa ideia.

Com isso, o mesmo acredita que estamos aqui por causa de uma longa evolução de bilhões e bilhões de anos, também para ele muitos fatores foram extremamente esseciais.

Mateus fala que muitas crenças ensinam coisas boas, e em alguns casos até ajudam a confortar algumas pessoas, fazendo elas se sentirem menos sozinhas. Uma das suas ideias mais defendidas é que devemos apenas fazer o bem, respeitar e dar valor as pessoas que nos amam.

Foto do escritor Mateus Eduardo Zabel

Escrito por
Mateus Eduardo Zabel,
atualizado no ano de 2020.